EDUCAÇÃO / TECNOLOGIA / UTILIDADE PÚBLICA

Conceito do MEC para cursos superiores - Conceito Preliminar de Curso

O que é Conceito do MEC para cursos superiores, conhecido como: Conceito Preliminar de Curso. Entre e veja o que é e como é feito o cálculo.

Conhecido como CPC (Conceito Preliminar de Curso), o conceito do MEC é um indicador de qualidade dos cursos superiores no Brasil. O Conceito Preliminar de Curso vai de 1 a 5, sendo 1 o nível mais baixo e 5 o nível de excelência dos cursos.

O Conceito Preliminar de Curso é composto por diferentes variáveis, que traduzem resultados da avaliação de desempenho de estudantes, infraestrutura e instalações, recursos didático-pedagógicos e corpo docente.

Anualmente o MEC divulga o resultado da avaliação dos cursos, os cursos que alcançar um desempenho no Conceito Preliminar de 1 a 2 serão incluídos nas visitas do Inep, sendo obrigatório passar pela visita, e os que alcançar igual ou superior a 3 vão poder fazer a escolha de passar ou não passarem pela visita de avaliação do Inep,  mantendo assim o seu conceito permanente. Os cursos que atingirem o critério 5 de avaliação devem ser visto como cursos de exemplo para os outros. Veja a  tabela com os dados AQUI. Formato xls (Excel).

Como é feito o calculo do Conceito Preliminar de Curso – CPC?

CPC - Conceito Preliminar de Curso

O Conceito Preliminar de Curso é feito de forma a serem avaliados os alunos do curso através do Enade (Exame Nacional de Desempenho de Estudantes) que é feito anualmente, também são avaliadas, as qualidades e as informações de infraestrutura do curso, instalações fisica, a quantidade de docentes no curso, após terem avaliado cada componente desses é feito uma conta e daí chega ao Conceito Preliminar de Curso.

O que é o Enade?

Enade (Exame Nacional de Desempenho de Estudantes), é um exame feito para avaliação dos alunos em relação ao curso de graduação matriculado, o desempenho obtido em relação ao conteúdo, suas habilidades e as competências, e por isso serve  como componente de avaliação para o Conceito Preliminar de Curso.

O resultado de avaliação dos cursos é divulgado pelo Mec através de um tabela que pode ser consultada no site do INEP ou se preferir poderá baixar diretamente a tabela com os dados AQUI, tabela esta onde você poderá consultar o nome da instituição de ensino, nome do curso superior, município, CPC e outras informações como os resultados individuais de cada critério usado na composição do conceito do MEC, como:

  • Equipamentos disponíveis são suficientes;
  • Avaliam bem o plano de ensino;
  • Docentes Mestres;
  • Docentes Doutores;
  • Docentes Regime Parcial/Integral;
  • Entre outros.

Outras informações sobre o conceito do MEC para cursos superiores podem ser obtidas no site do MEC.

Legalidade e qualidade

Uma das perguntas mais comuns que os usuários fazem nos comentários aqui do blog é se essa ou aquela faculdade ou universidade é reconhecida pelo MEC. Embora a dúvida seja pertinente, é também importante saber que além de autorizada, quais são os conceitos dos cursos desta instituição. O conceito do MEC é um importante instrumento para obter esta avaliação, pois fora ele, as demais avaliações podem ser muito subjetivas os mercadológicas. No site http://emec.mec.gov.br/ você poderá consultar a situação de cursos e instituições, tanto no aspecto regular como no aspecto de qualidade.

Perguntas frequentes

As universidades que recebem conceito baixo do Ministério da Educação são descredenciadas?

Sim. As universidades recebem o reconhecimento do Ministério da Educação após a realização de uma rígida inspeção, tanto em sua estrutura física, quanto no corpo docente e programação acadêmica. Periodicamente, o MEC junto com INEP realiza vistorias, uma vez que, com o passar do tempo, a instituição pode modificar a sua estrutura e mesmo o seu corpo docente. As instituições que receberam notas 1 ou 2 na avaliação de seus critérios mais de uma vez (ou seja, em mais de uma avaliação realizada pelo órgão) poderão ter o seu vestibular suspenso e serão impedidas de abrir vagas para o curso mal avaliado, já que estas são notas consideradas insatisfatórias pelo Ministério da Educação.

É possível ocorrer o descredenciamento de uma instituição por conta do conceito?

Sim. O descredenciamento pode ocorrer, partindo do Ministério da Educação, caso o órgão encontre irregularidades, tanto na estrutura física, quanto na qualidade dos cursos oferecidos aos alunos. Outra possibilidade de descredenciamento é o Ministério da Educação considerar pobre a oferta de cursos por parte da instituição.

Uma instituição que foi descredenciada por conta do baixo conceito, poderá, mais tarde ser credenciada novamente?

Sim, uma instituição que já tenha sido descredenciada por conta do baixo conceito poderá ser credenciada novamente. Caso a instituição perca o credenciamento ela terá um determinado período de tempo para se adequar às normas do Ministério da Educação. Se, dentro do tempo estipulado, a instituição apresentar todos os requisitos necessários para oferecer o curso, o MEC poderá reconhece-la novamente.

Baseados em que conceitos uma universidade leva uma nota ou baixa?

Através do ENADE, prova em que os alunos respondem às questões pertinentes ao seu curso, o Ministério da Educação avalia se os alunos estão aprendendo o conteúdo da forma correta ou não. Desta forma, as instituições são avaliadas e recebem os conceitos indicados pelo Ministério da Educação, o MEC.

Há outra forma de avaliar o curso sem ser através do ENADE?

Sim, há outra forma de avaliar o curso de uma instituição além do ENADE. Para avaliar as universidades, o Ministério da Educação usa ainda o Conceito Preliminar de Curso (CPC). Esta forma de avaliação é considerada mais completa do que o ENADE, uma vez que leva em consideração, além do desempenho dos alunos, a qualidade do corpo docente. O Conceito Preliminar de Curso ainda leva em consideração aspectos como infraestrutura, recursos didático-pedagógicos e demais insumos, de modo a garantir a real qualidade dos cursos oferecidos aos alunos.

Quais são as universidades que apresentam melhor colocação: as universidades públicas ou as universidades particulares?

Não é uma regra, mas, em geral, as universidades públicas costumam apresentar conceito maior, uma vez que, na maioria das vezes apresentam corpo docente mais preparado. Por outro lado, em muitos casos, a estrutura física das universidades públicas (bibliotecas, salas de aula, auditórios, laboratórios) podem deixar a desejar. Não se pode afirmar com certeza quais as universidades apresentam melhores conceitos. Elas variam conforme local e ano.



 

Veja também

Comentários

Tenho vontade de fazer um curso superior.Mas na cidade não tem onde fazer.Porque? antonio marcos // ponta grossa
© 2008-2017 | LUIS.BLOG.BR | Política de Privacidade | Em Jesus Cristo eu confio