EDUCAÇÃO / TECNOLOGIA / UTILIDADE PÚBLICA

Críticas, denúncias, reclamações e sugestões a Bancos e Governo

Você quer fazer denúncias, reclamações, dar sugestões ou fazer críticas a bancos ou orgãos do governo? Veja aqui os telefones e os meios para isso

Dúvidas, críticas, denúncias, sugestões ou reclamações. Sempre que usamos qualquer tipo de serviço, seja ele público ou privado, temos o que chamamos de experiência, ou seja, o resultado daquele atendimento ou prestação de serviço pode nos dar a sensação de dúvida, de revolta ou também de satisfação. Seja ela qual for temos o direito de reclamar, de denunciar um mau serviço, de criticar atitudes que entendemos não ser compatível com a função. Mas também há casos em que desejamos alogiar os serviços prestados.

Na maioria das vezes em que queremos fazer criticas, denuncias, reclamações e dar algumas sugestões, dificilmente sabemos ao certo para quem ligar e em qual número. Para ajudar nesta questão, relacionei abaixo os números do governo ferederal e seus orgãos, poder legislativo e alguns bancos.

LEGISLATIVO

Senado Federal – Serviço 0800 – A Voz do Cidadão – 0800 61 2211 Através deste numero você poderá fazer criticas, dar sugestões e comentar sobre o Senado e Senadores. Atendimento 24 horas.

Câmara dos Deputados – Disque Câmara – 0800 619 619
Poderá fazer reclamações, denuncias e dar sugestões ou propostas para os deputados, comissões parlamentares e todos departamentos da Câmara.

EXECUTIVO

Programa Fome Zero – 0800 707 2003 – Horário: 8h às 20h, segunda a sexta-feira.  Aqui o objetivo é apoiar as pessoas que foram vitimas de alguma catástrofe natural e também para contribuir com o Programa Fome Zero.

Ministério da Educação – Fala Brasil – 0800 616161
É possível obter informações sobre bolsa-escola, bolsa-família, e outros serviços mais. Central 24 horas.

Ministério do Meio Ambiente – Linha Verde do Ibama – 0800 618080 – fazer denúncias sobre agressões ao meio ambiente. Horário: 8h às 19h, segunda a sexta-feira.

Ministério da Previdência Social – PrevFone – 0800 780191 Para obter benefícios,  fazer inscrições ou contribuições, e ainda certidão negativa de débitos com o INSS. Horário: 7h às 19h, segunda a sexta-feira.

Ministério da Agricultura – Destinado ao atendimento dos agricultores  – 0800 61 1995 Horário: 8h às 18h, segunda a sexta-feira.

Ministério do Trabalho e Emprego – Alô Trabalho – 0800 610101/ 0800 2850101 Horário : 8h às 17h, segunda a sexta-feira.

Secretaria Especial de Direitos Humanos – 0800 990500 – Horário: 8h às 18h, segunda a sexta-feira. Realizar denúncias sobre violência sexual contra a criança e o adolescente.

Ministério da Saúde – Disque Saúde – 0800 611997 Horário: 8h às 18h, segunda a sexta-feira.

Disque Transplantes – 0800 8832323 – obter informações sobre transplante de órgãos. Horário: 8h às 18h, segunda a sexta-feira.

Ministério de Minas e Energia – Disque Luz no Campo – 0800 560506 Horário: 8h às 17h, segunda a sexta-feira.

Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres – Disque Saúde Mulher – 0800 6440803 Horário: 8h às 18h, segunda a sexta-feira.

Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (DNIT) - Ouvidoria do órgão – 0800 6115 35 – Horário : 8h às 12h e 14h às 18h, segunda a sexta-feira.

Agência Nacional de Saúde (ANS) – 0800 7019656 Conseguir informações e fazer reclamações sobre planos de saúde. Horário: 8h às 20h, segunda a sexta-feira.

Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) – 0800 332001 realizar reclamações sobre problemas com as diversas operadoras de telefonia. Central 24 horas.

Agência Nacional do Petróleo (ANP) – 0800 900267 fazer denúncias contra postos de combustíveis e revendedoras de gás e também você obtém informações sobre petróleo e seus derivados. Horário: 8h às 18h, segunda a sexta-feira.

Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) – 0800 6440644 Se informar sobre os valores máximos que pode ter um remédio, também informações sobre remédios genéricos e fazer reclamações sobre os remédios. Horário: 8h às 18h, segunda à sexta.

Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) – 0800 6445001 Horário: 8h às 12h e 14h às 18h, segunda a sexta-feira.

Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) – 0800 727 2011 Apenas para pedir de informação,  dar sugestões e  fazer reclamações. Horário: 8h às 12h e 14h às 18h, segunda a sexta-feira.

Receita Federal – 0300 78 0300 obter informações sobre imposto de renda, cadastro de CPF, certidões negativas entre outros. Essa ligação te custará: R$ 0,27 mais valor do serviço. Central 24 horas.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) – 0800 218181 Horário: 8h às 17h, segunda a sexta-feira.

Banco Central – 0800 992345 – Horário : 9h às 16h.

Correios – 0800 570 0100 – Central 24 horas.enviar telegramas, sedex, retirar dúvidas sobre rastreamento, busca de CEP, compras via Correios Online, concursos dos Correios, e muitas outras informações.

BANCOS

Banco do Brasil – 0800 78 5678 – Central 24 horas.

Caixa Econômica Federal – 0800 574 0101 – Horário: 7h às 20h, segunda a sexta-feira.

Central de Relacionamento da Caixa Seguros – 0800 7024000 Horário: 8h às 19h, segunda a sexta-feira.

OUTROS

Centros de intoxicações - 0800 780 200; 0800 410148; 0800 148110; 0800 2844343; 0800 6435252; 0800 771 3733. Obter informações sobre intoxicações com plantas, animais, remédios ou produtos.


Reclamação sobre medicamento

Gostaria de saber se existe alguma reclamação sobre o medicamento Amoxilina com Clavulanato da Sandoz, pois minha filha começou a tomar e ficou com diversas manchas vermelha na pele e até agora não descobri o que foi, mas a princípio a médico cortou o medicamento, mas ela já tomou este medicamento de outro laboratório e não teve nenhum problema.Angela // sp
Verifique no texto acima o telefone 0800 da Anvisa que é a Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Ela é o órgão do Ministério da Saúde que tem competência para esclarecer sobre este tipo de problema. luis.blog.br
 

Veja também

Comentários

O Brasil é mesmo uma piada. Agora o governo federal vai facilitar a vinda de estrangeiros para trabalhar em nosso pais e com isso tirar os postos de trabalho dos brasileiro. Nunca ouvi falar em algum pais do mundo onde os brasileiros consigam emprego tão facilmente como os estrangeiros os conseguem no Brasil. Aqui fica meu protesto. Jose Rocha // Fortaleza
Alguns brasileiros pensam que na Bolivia a bagunça é igual ao Brasil onde se assassinam as pessoas e se sai livre sem qualquer punição. Querem sem mais nem menos a liberdade dos dois corintianos que lá estão presos o que não teria acontecido se a ocorrência tivesse sido aqui no pais da impunidade. Jose Rocha // Fortaleza
© 2008-2017 | LUIS.BLOG.BR | Política de Privacidade | Em Jesus Cristo eu confio