EDUCAÇÃO / TECNOLOGIA / UTILIDADE PÚBLICA

Diferenças entre Juros Simples e Composto

Qual a relação entre juros simples e compostos? Isto tem a ver com rentabilidade ou lucratividade de um investimento? Veja as diferenças e conceituação de cada um.

No complicado mundo do dinheiro as siglas e termos as vezes mais confunde do que explica, um exemplo são os temos juros simples e compostos e ainda lucratividade e rentabilidade. O que significa cada uma dessas palavras em um investimento, empréstimo ou financiamento. Entenda inicialmente o conceito de juros e seus desdobramentos.

Juros são normalmente conceituados como o aluguel pelo uso do dinheiro e não é possível falar em juros sem considerarmos também o capital, períodos e montante.

  • Capital é o valor inicial ou o valor do empréstimo
  • Períodos podem ser mensal, semanal, anual ou qualquer outro período que houver capitalização.
  • Juros podem ser simples ou compostos (veremos abaixo)
  • Montante é o resultado do capital acrescido dos juros incidentes nos períodos estabelecidos.

Juros simples

Os juros simples são aqueles em que sua incidência será sempre sobre o capital, não importando o tempo que o capital foi usado. Se você tomar R$ 1.000,00 emprestados por um período de 6 meses a uma taxa de juros simples de 5%, no final dos seis meses o montante ou o valor que você deverá pagar será de R$ 1.050,00 (1.000,00 + 50,00).

Juros compostos

Já os juros compostos são incorporados ao capital a cada período, este tipo de juros é o mais comum nas operações de empréstimos e financiamento e também é conhecido como juros sobre juros. Veja a simulação abaixo para um capital de R$ 5.000,00 com uma taxa de 2% com capitalização composta (juros compostos) em 12 meses:

Simulação de Juros Compostos

Sumulação de juros com capitalização composta

No exemplo acima vimos que o capital passou de R$ 5.000,00 para R$ 6.341,00 graças a ao regime de juros sobre juros ou a capitalização composta. No regime de juros simples o resultado final seria de apenasR$ 5.100,00.

Rentabilidade e lucratividade

Quando lidamos com investimentos, principalmente, temos que considerar o significado dessas duas palavras. Se você analisar o histórico de um fundo de renda fixa, por exemplo, verá muito o uso do termo rentabilidade, mas e a lucratividade?

Rentabilidade

Rentabilidade pode ser definida simplesmente como o rendimento de um ativo qualquer. No exemplo do fundo de renda fixa citado acima seria o rendimento bruto que o fundo teve em um período, por exemplo, no mês, no acumulado do ano, últimos 12 meses e assim por diante.

Lucratividade

Já a lucratividade tem a ver com lucro e se considerarmos o exemplo anterior do fundo de renda fixa, pode ser que mesmo tendo uma rentabilidade, ele não tenha gerado uma lucratividade, pois temos que considerar que um fundo de investimento tem a taxa de administração e outros possíveis encargos. Então a lucratividade será a rentabilidade – os custos de administração e outros encargos.

Se houver dúvidas, use o formulário abaixo para interagir sobre o conteúdo deste artigo.



 

Veja também

Comentários

© 2008-2017 | LUIS.BLOG.BR | Política de Privacidade | Em Jesus Cristo eu confio