EDUCAÇÃO / TECNOLOGIA / UTILIDADE PÚBLICA

Entenda as diferenças de dólar comercial, paralelo e dólar turismo

Entenda o significado das várias cotações do dólar, como comercial, turismo e paralelo e as diferenças entre eles para fins de viagens, impostação e exportação, entre outras operações.

O dólar é a principal moeda da atualidade, mais precisamente o dólar americano, já que existem outros países que adotam o dólar como moeda. São exemplos o Canadá (dólar canadense), Austrália (dólar australiano), Jamaica (dólar jamaicano), entre outras.

No Brasil e no resto do mundo o dólar exerce extrema influencia nos mercados de câmbio e nas economias dos países. A razão é simples, quando os investidores percebem um problema na economia de um país começam a tirar seus investimentos ali e migram geralmente para o dólar por ser uma moeda forte e estável. Com isso o dólar é usado como parâmetro em relação a outras moedas. Para fazer a comparação, no Brasil é usada diariamente a cotação do dólar frente ao real e esta cotação é conhecida como comercial, turismo e paralelo.

Taxa de câmbio comercial, turismo e paralelo

Dólar comercial

O dólar comercial é a cotação oficial adotada pelo Banco Central e é usada para as operações oficiais de câmbio do governo, para as importações e exportações, entre outras operações oficiais, como empréstimos, remessas de divisas ao exterior, entre outras.

Há uma diferença entre o valor de compra e o valor de venda. A compra ocorre quando você compra alguma coisa do exterior, vai viajar ou até mesmo quer comprar para guardar como poupança. Já a venda ocorre quando você tem dólares e quer trocar por reais

Dólar turismo

O dólar turismo é usado em operações de compra de passagens e operações de turismo. Geralmente ocorre também nas compras feitas no cartão de crédito no exterior, mas o banco ou a operadora do cartão poderá também usar a cotação do dólar comercial.

Dólar paralelo

O paralelo não existe na teoria, mas existe na prática. O que quero dizer é que o banco central ou qualquer órgão oficial não reconhece esta cotação da moeda americana. Ela é chamada como o câmbio negro ou paralelo. Trata-se de operações clandestina de compra e venda da moeda e por ser clandestina não há muitas regras.

Câmbio flutuante

Para concluir é importante observar que o Brasil adotou a estratégia de câmbio flutuante, isto é, o governo não determina a cotação ou o valor do real frente ao dólar, isto é feito pelo mercado. Contudo o governo acompanha e as vezes interfere com operações de grandes volumes de compra ou venda a fim de regular e acalmar o mercado. Outras ações do governo também interfere no câmbio, mas não tem uma função taxativa da cotação.



 

Veja também

Comentários

© 2008-2017 | LUIS.BLOG.BR | Política de Privacidade | Em Jesus Cristo eu confio