EDUCAÇÃO / TECNOLOGIA / UTILIDADE PÚBLICA

Fontes arial, verdana ou georgia. Qual a melhor fonte para a web?

Qual a melhor fonte para títulos e corpo do texto em sites? Arial, Verdana ou Geogia? Veja uma análise das principais fontes para a web.

Quando comecei a desenvolver sites a muitos anos atrás a fonte verdana era para mim insubstituível, eu usava verdana em todos os sites e ponto. Naquela época eu tinha como referência alguns portais, entre eles o Terra que usava muito esta fonte. Detalhe: Tamanho 12px.

[QUEBRA]

Depois de algum tempo e agora passei a ver a arial como uma fonte mais adequada tanto para os títulos das páginas como para o corpo do texto. Em 2007 quando criei os blogs Evangelização e o Luis, não tive dúvidas, arial de cima em baixo.

Tenho visto muitos blogs usarem a fonte georgia e confesso que gosto dela e por algumas vezes usei esta fonte, especialmente nos títulos das páginas. No corpo do texto é mais complicado e bate de frente com um velho tabu que tenho de não usar fonte serifada no corpo do texto. Ainda assim, confesso que ela encaixa bem no corpo, mas ainda não estou preparado para isso! Arghhh.

Arial, verdana ou georgia

Mas qual o critério para a escolha de uma fonte? Não há outras fontes que podem ser usadas na web?

O critério é a princípio estético, mas passa pela harmonia e a proposta visual do site como um todo. Em site retro a fonte arial não cai bem, em um site de tecnologia cai muito bem. As fontes serifadas, como a georgia são bem vistas por webdesigners, já as fontes sem serifas como a arial, verdana, helvética, entre outras são mais comuns pelo público geral.

O uso de outras fontes está limitada a um fator técnico, pois a fonte usada em um site precisa existir no micro do usuário e não existir ele trocará pela fonte padrão do navegador, que na maioria dos casos é a temível Times New Roman. Então o uso de arial, verdana, georgia, entre outras fontes comuns se dá visando não correr o risco da substituição em caso de falta da fonte.

Mas voltando ao assunto do início do post, fiz uma restruturação visual no Blog do Luis e voltei a adotar a verdana como padrão para o corpo do texto. O motivo é que a coluna principal ficou mais larga e isto exigiria uma fonte mais larga para uma melhor proporção [ATUALIZAÇÃO] Já voltei para a Arial novamente. Já no Blog Evangelização a Arial ainda permanece como a fonte padrão. Já no Blog Evangelização a Arial ainda permanece como a fonte padrão.

Web fonts

Pois é, mas o cenário atual já um pouco diferente. Ainda que conceitualmente o que escrevi acima está válido, o que ocorre hoje é que temos uma nova alternativa que é usar os chamados webfonts ou as fonts hospedadas na web e assim podemos usar qualquer fonte e não apenas ficar restrito a aquelas que supostamente o usuário tenha instalado na sua máquina.

Usando CSS, é possível importar uma font para o seu site e usá-la sem a preocupação se o usuário tem ou não aquela fonte.

O Google lançou inclusive um diretório de fonts gratuitas que podem ser usadas em qualquer projeto de internet. Veja como usar:

  • Primeiro você acessa o site https://www.google.com/fonts
  • Escolhe a font desejada clicando no botão Quik-use e marca as opções desejadas;
  • Depois basta escolher a opção de import, como no exemplo abaixo:
  • @import url(https://fonts.googleapis.com/css?family=Open+Sans:400,600);
  • Você irá colar esta linha no início do arquivo CSS do seu site e depois é só usar, como no exemplo a seguir:
  • font-family: 'Open Sans', sans-serif;

 

Veja também

Comentários

© 2008-2017 | LUIS.BLOG.BR | Política de Privacidade | Em Jesus Cristo eu confio