O que significa Ciências Exatas, Humanas e Biológicas?

Os cursos superiores estão divididos em Ciências Exatas, Ciências Humanas e Biológicas. Mas o que significa esses termos? Veja a definição de cada uma.

Em um contexto geral a ciência é considerada como um campo de estudos e pesquisas de várias matérias, abrindo os limites do conhecimento já existentes para abranger as visões das diversidades existentes em diversas áreas. Para facilitar esses estudos e pesquisa a ciência foi dividida em Ciências Exatas, Ciências Humanas e Ciências Biológicas, há também as Ciências Sociais.

Essa divisão leva em conta o direcionamento de cada uma delas, podendo ser o homem com ser social (ciências humanas ou sociais), à vida (ciências biológicas) ou a métodos e expressões quantitativas (ciências exatas). Veja também o conhecimento humano.

Vamos conhecer um pouco mais sobre cada uma delas:

Ciências Exatas

Nasceu na Europa Ocidental no início do século XVII, é um campo mais restrito ou previamente definido, são todos os campos direcionados a capacidade de expressões quantitativas, predições precisas e métodos rigorosos de testar hipóteses, especialmente quando envolve medições e predições quantitativas.

Ciências exatas engloba um conjunto de várias disciplinas sendo elas matemática, computação, estatística, física, química, engenharia, aeronáutica, assim como também partes da biologia, psicologia e economia.

Também a Astronomia, considerada a mais antiga das ciências de observação, a Matemática, que abriu novos horizontes à abstração a partir da geometria e da aritmética podem ser consideradas percussores das Ciências Exatas, que desenvolvem verdadeiramente com as primeiras ciências experimentais, como a física.

Veja um vídeo explicativo sobre o curso de ciências exatas na Universidade Federal de Juiz de Fora:

 

Veja este artigo sobre os cursos mais bem-conceituados, segundo o MEC, em sistemas de informação, engenharia e ciência da computação.

Ciências Humanas

Tratam dos aspectos do homem como indivíduo e como ser social, buscando um maior conhecimento do ser humano, tais aspectos podem ser estudados em várias matérias e áreas de Ciências Humanas.

Basicamente todo conhecimento produzido pelo homem pode ser considerado como ciência humana, mas na prática é aceito apenas como ciência humana aquela que tem o ser humano como seu objeto de estudo e o seu foco. São os conhecimentos que resultam nas profissões que trabalham primariamente dos aspectos humanos

Fazem parte de ciências humanas a filosofia, letras, sociologia, ciência política, antropologia, história, linguística, pedagogia, economia,  administração, contabilidade, geografia humana, direito, carqueologia,  psicologia, ciência da religião entre outras mais, que facilitam o estudo em relação aos aspectos humanos.

Veja aqui uma série de vídeos com aulas e explicações de assuntos relacionado às diversas disciplinas e campos de estudos das ciências humanas.

Ciências Biológicas

corpo humano biologia

Estuda os seres vivos e abrange um aspecto amplo de áreas acadêmicas frequentemente consideradas disciplinas independentes, mas que no seu conjunto, estudam a vida nas mais variadas escalas, sendo ela atômica e molecular.

Entre as áreas de ciências biológicas encontram zoologia, botânica, microbiologia, bacteriologia, citologia ou biologia celular, genética, biologia molecular, sistemática, biologia evolutiva, fisiologia, ecologia, biologia de sistemas, biologia da conservação, biótica, biologia de desenvolvimento, histologia, ecologia, iconologia, biotecnologia, paleontologia e etnobiologia.

O estudo da biologia ou das ciências biológicas é sem dúvida nenhuma aquele que requer pessoas já com uma boa pré-disposição a este tipo de conhecimento. Geralmente em ciências humanas ou até exatas é possível encontrar os chamados alunos paraquedistas, mas aqui é diferente.

Ciências Sociais

Estuda os aspectos sociais do mundo, ou seja, a vida social de indivíduos e grupos humanos, tais como a antropologia, estudo da comunicação, economia, administração, arqueologia, contabilidade, geografia humana, história, linguística, ciência pública, estatística, psicologia social, direito e sociologia.

Algumas perguntas:

É possível fazer uma faculdade em uma área e uma pós-graduação em outra?

Sim, é possível, mas nem sempre é a melhor coisa a fazer. Imagine que uma pessoa tenha feito graduação em ciência da computação (exatas) e queira fazer uma pós-graduação em biologia molecular (biológicas)? Perceba que não faz muito sentido.

Contudo uma pessoa que fez graduação em direito (ciências humanas) poderia fazer uma pós-graduação em áreas de ciências biológicas, pois isto poderia contribuir para seu conhecimento nesta área a fim de defender um médico que foi acusado de um suposto crime no exercício da função

Fazer duas graduações em áreas diferentes é válido?

Há duas situações em que isso faria algum sentido: A primeira é quando a segunda graduação de alguma forma agregar conhecimento à primeira. Por exemplo: primeira graduação, ciência da computação e a segunda administração.

A segunda situação é quando ao terminar a primeira graduação a pessoa percebeu que tinha escolhido a profissão errada e aí justifica fazer outra.

Entre ciências exatas, humanas e biológicas, qual é a mais fácil?

Nenhuma. Todas têm suas dificuldades e irá impor seus desafios. A ciência exata é o terror para quem não gosta de matemática. A ciência biológica não é para qualquer um, visto que irá lidar com a vida e as complicações do corpo humano. Parece que a ciência humana é a mais tranquila, mas ela também irá impor certas dificuldades.

Agora que você já tem um conhecimento maior sobre os estudos das ciências exatas, humanas, biológicas e sócias, já pode se matricular em um curso em alguma dessas áreas. Pesquise bem antes e tenha bons estudos?


 

Veja também:




// Comentários

Nenhum comentário



 

2007-2015   //   Blog do Luis   //   Política de Privacidade   //   Eu creio em Deus