Tarifa Social de Água e Luz. Conta mais barata na Sabesp, CPFL, outros

Veja o que e como ter acesso a Tarifa Reduzida de Energia Elétrica e Água e pagar uma conta mais barata na Eletropaulo, CPFL, Bandeirante Energia, Sabesp, entre outros

Home Cidadania

A energia elétrica e a água encanada são necessidades básicas de todos nós. Embora exista algumas regiões do país onde esses recursos possivelmente não estejam presentes, mas a maioria dos brasileiros tem pelo menos a energia elétrica.

A energia elétrica que chega até sua residência provem de uma usina hidrelétrica ou de outra fonte geradora de energia. Ela é transmitida em longas distâncias pelas redes de transmissão até finalmente chegar em sua cidade e posteriormente em sua casa. Já a água normalmente ela é captada em rios próximos de sua cidade, depois ela é tratada e finalmente distribuída na rede de abastecimento de água da sua cidade.

Tudo isso tem um preço que é rateado para os consumidores de acordo com a quantidade consumida, seja de energia elétrica ou água. Mas existem casos que o consumidor poderá pagar uma tarifa reduzida (tarifa social) pelo consumo de energia ou água. Para obter esse direito, o consumidor deverá fazer o pedido de tarifa reduzida, abaixo citarei alguns:

Tarifa social

Tarifa Reduzida de Energia Elétrica

Bandeirante Energia: Recadastramento de clientes de Baixa Renda. Esse serviço pode ser acionado quando o consumo mensal for de 80 a 220 kWh, pelo telefone 0800 721 0123.

Eletropaulo Metropolitana: Concessão de Tarifa Reduzida – Baixa Renda. Está disponível para clientes já cadastrados no serviço de baixa renda. Pelo telefone 0800 7272120, é possível acionar o serviço.

Empresa de Distribuição de Energia Vale Paranapanema: Concessão de Tarifa Reduzida – Baixa Renda. Para clientes de baixa renda que tenham média de consumo elétrico nos últimos 12 meses inferior a 80 kWh e ligação monofásica; caso os clientes tenham uma média inferior a 202 kWh nos últimos 12 meses, deve estar cadastrada em algum programa social do governo federal, o bolsa família, por exemplo. Pelo telefone 0800 7010327.

Companhia Paulista de Energia Elétrica: Concessão de Tarifa Reduzida – Baixa Renda. Este também esta disponível apenas para já cadastrados de baixa renda. Pelo telefone 0800 77 44 430.

CPFL: Concessão de Tarifa Reduzida – Baixa Renda.Para clientes de baixa renda. Mais informações no site da CPFL (www.cpfl.com.br) ou pelo telefone 0800 0101010.

Companhia Sul Paulista de Energia: Concessão de Tarifa Reduzida – Baixa Renda. Disponível para os clientes cadastrados no baixa renda. Informações e acionamento do serviço pelo telefone 0800 77 44 450.

Companhia Piratininga de Força e Luz: Concessão de Tarifa Reduzida – Baixa Renda. Já cadastrados no baixa renda. Maiores informações também no site da CPFL (www.cpfl.com.br) .

Companhia Jaguari de Energia: Concessão de Tarifa Reduzida – Baixa Renda. Redução da tarifa apenas para clientes já cadastrados no baixa renda. Pelo telefone 0800 77 44 460.

Companhia Luz e Força de Mococa: Concessão de Tarifa Reduzida – Baixa Renda. Concessão concedida para já cadastrados no baixa renda. Telefone 0800 77 44 480.

Tarifa Reduzida de Água e Esgoto

Sabesp: Cadastramento na Categoria Residencial Social. É possível solicitar a obtenção da tarifa diferencial social, pelo telefone 0800 19911, apenas para a região metropolitana de São Paulo.

Sabesp: Cadastramento na Categoria Residencial Favela. Solicitação para tarifa diferenciada referente à favela, apenas para a região metropolitana de São Paulo.

Agora basta entrar em contato com algum desses serviços e ter a sua tarifa reduzida.

Programa da SABESP Água de reuso

Para ajudar com a crise de falta de água em SP a SABESP criou o programa água de reuso que é conseguido através do tratamento de esgoto das residências, para ter reutilização em coisas que não precisam de água potável. Gerando assim uma maior quantidade nos reservatórios e não havendo a necessidade de aumentar as tarifas para o consumidor.

Como pode ser definida a crise hídrica?

É o reservatório de água doce que é utilizado para vários processos, esse fator é utilizado por empresas e outros lugares para determinar qual é o gasto mensal do estabelecimento, esse recurso pode ser útil para o consumidor poupar o máximo de água possível na hora do gasto.

É possível entrar ar na rede ocasionando um valor maior em minha tarifa de água?

Sim, apesar de acontecer alguns casos isolados apenas, isso é possível, em 2015 foi registrado 25 mil pedidos de reclamação sobre o problema, 500 imóveis foram visitados e 20 deles estavam com o problema.

Perguntas e respostas

Recebi um valor abusivo na minha conta de água/luz, o que faço?

Ao notar que sua fatura mensal tem um valor que excede o convencional, e que não consta em dados verídicos nas observações da conta de luz/água, é direito seu recorrer para balancear o custo e corrigi-lo.

A medida a se tomar nesse momento é procurar o prestador do serviço, a empresa que lhe oferece a luz/água, e esclarecer a situação. Caso, realmente, seja constatado o erro sua conta será corrigida. Não precisa se preocupar tanto, erros desse tipo podem ocorrer em uma leitura não muito boa, ou falha de sistema. Basta que você não fique apático a situação e tome providências.

Se, por acaso, a empresa não resolver o seu problema e você ainda se sentir lesionado uma opção seria procurar o representante Procon mais próximo de sua região e relatar o caso, ele irá te ajudar a fazer valer seus direitos como consumidor.

E se eu chegar a pagar essa conta, por falta de informação, como devo agir?

No caso de a empresa ter um superfaturamento em algum pagamento seu, há a opção de ressarcir o dinheiro gasto (sem necessidade) com a conta.

Você tem todo o direito de ter seu dinheiro de volta, basta que informe aos órgãos competentes o acontecimento e ponha em prática o que lhe é assegurado por lei: a devolução do valor excessivo, ainda com acréscimos de atualização monetária e juros. Nada de ficar prejudicado, você está assegurado pela lei!

Se eu tiver algum aparelho danificado por um problema na rede elétrica, o que posso fazer?

Você tem todo o direito de, em até 90 dias, solicitar o ressarcimento junto à empresa que distribui o serviço. É entendido como aparelho danificado aquele que apresentar um mau funcionamento, ou até mesmo estrago total.

Ao contatar a empresa você pode utilizar o atendimento telefônico, virtual, físico (em algum posto ou representante), ou em qualquer outro meio de comunicação que empresa disponibiliza na interatividade entre ela e seus clientes.

A empresa de luz é obrigada a sempre avisar quando for fazer manutenção na rede?

Sim, ela tem essa obrigação. E você pode reclamar caso não estiver sendo feito os avisos, pois prejudica, e muito, o consumidor que necessita diariamente dos serviços elétricos.

Há uma tolerância de 72 horas, antes do início da revisão elétrica, para que a empresa torne público o aviso das devidas correções em sua rede. Sendo feita por meio de algum tipo de meio de comunicação disponível a todos os utilizadores de seus serviços.

Eles podem avisar através de rádio, TV, aviso público em aparelhos de som, etc. Também podem distribuir papéis nas residências de seus clientes, por isso fique atento a toda nota deixada na sua caixa de correio ou na soleira da porta.

Qual o prazo para as empresas de luz/água resolverem problemas convencionais?

Se você teve a necessidade de contatar a sua distribuidora de água/energia por algum problema na entrega dos serviços em sua residência, saiba que há a obrigação dela (por lei) de agir imediatamente para corrigir o defeito.

Não há um prazo estipulado em horas ou dias, a ação deve ser instantânea. O consumidor não pode ficar em hipótese alguma prejudicado. Isso é assegurado por lei. No entanto, se você somente fez uma reclamação que não necessita, tanto assim, de ser realizada no exato momento, deverá esperar em um prazo de até 5 dias úteis contando desde a abertura do protocolo.

Como faço para economizar energia/água?

Para que você consiga ter um melhor aproveitamento dos serviços de água ou energia precisa se regrar quanto ao uso de forma consciente desses recursos.

Fazendo assim, só te trará benefícios. Tanto na conta de luz/água no fim do mês, economizando um dinheiro que pode servir para outro fim útil, como auxiliando (pelo menos fazendo sua parte) na preservação do meio ambiente.

Gostou? Compartilhe



 

Leia também:



© 2008-2018 | Professor Digital | Política de Privacidade | Em Jesus Cristo eu confio