Como absorver a leitura e memorizar as informações

Como estudar com mais eficiência e memorizar as informações que estuda? Veja essas dicas de como absorver a leitura de uma forma bem tranquila e produtiva.

Home Educação

O cérebro humano é bastante complexo quanto ao seu funcionamento. Porém, assim como outros órgãos do corpo, pode ser trabalhado e estimulado, fazendo com que suas memórias, aprendizados e novos ensinamentos fiquem mais fáceis de serem absorvidos e mantidos conforme este exercício mental seja realizado.

Os famosos “brancos” que estudantes tanto falam que acontecem em momentos cruciais diante de testes ou provas nada mais são do que seu cérebro “mal treinado”, além do nervosismo que contribui para este esquecimento momentâneo, pois nada desaparece da memória sem que algo grave aconteça.

Para absorver a leitura e assim memorizar suas informações é necessário prática, ou seja, ler muito. O indivíduo deve ter o hábito de ler frequentemente. Tendo esse costume tornam os estudos bem mais fáceis. Muitos reclamam da dificuldade em decorar algo, desinteresse sobre o assunto, falta de atenção, indisciplina e baixa auto estima favorecem para dificultar essa absorção e memorização.

Roteiro para ajudar na memorização

Confira passos importantes para memorizar melhor e ler melhor no seu dia a dia:

  • Procure um ambiente confortável, bem iluminado, sem barulhos ou interferência de terceiro que venham a atrapalhar a sua concentração.
  • Desligue aparelhos que lhe tirem a atenção, som, computador, televisor, entre outros.
  • Disciplina e respeito aos horários são fundamentais. Estipule quantidade de horas e o seu horário diário de estudos e siga-o como se estivesse indo a escola.
  • Deixe por perto sempre um copo de água. Evite ficar se levantando a todo instante.
  • Foco! Esteja decidido a estudar e se concentre. Trace metas e objetivos.
  • Comece sua leitura sem forçar que a decorre, simplesmente leia com atenção. Se ler em voz alta não lhe incomoda, melhor ainda, pois estará usando sua memória visual e auditiva aumentando a força de armazenamento do aprendizado.
  • Procure fazer resumos do que leu e procure explicar com suas palavras para si mesmo, como se estivesse apresentando uma palestra ou seminário.
  • Leia e releia quantas vezes forem necessárias. Não se cobre tanto no inicio, mas é fundamental cumprir suas horas propostas de estudos durante o dia.
  • Aprenda a controlar sua ansiedade e o nível de estresse. Estabeleça intervalos de descanso. Uma pausa entre os estudos para arejar a mente.

Lembre-se que o cérebro faz parte do seu corpo, então mantenha uma alimentação saudável a base de muitas frutas, verduras, fibras e líquidos para hidratar. Faça exercícios físicos regularmente. Exercitar-se não só faz bem para o corpo, como para a mente também, como diz o ditado: “Corpo são, mente sã.”

Técnicas de memorização:

1. Segundo artigo da Universidade de Michigan:

  • a) Saiba o que você quer aprender, e faça uma pré-leitura.
  • b) Aplique técnicas de leitura ativa, por exemplo: marque palavras-chave ou frases que resumam a matéria e fazendo perguntas a si mesmo).
  • c) Faça um esboço, leia resumos e utilize mapas mentais.

2. Segundo Peter Doolittle, palestrante e professor da Universidade de Virginia, nosso cérebro guarda informações conforme vemos necessidade nelas, portanto procure um motivo prático para “convencer” sua massa cinzenta da necessidade desta informação.

3. Crie Mnemónicos, por exemplo imagine que você aprendeu agora sobre os 5 princípios da administração pública, a saber: legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência. Para conseguir lembrar de todos os princípios existe o mnemónico “LIMPE” e então através desta ferramenta você cria uma associação. Veja como funciona: você quer saber quais os 5 princípios e lembra do mnemónico LIMPE:

  • Legalidade,
  • Impessoalidade,
  • Moralidade,
  • Publicidade e
  • Eficiência

4. Explique a alguém sobre o assunto, se necessário explique a você mesmo.

5. Utilize a música e ritmos a seu favor, em estudo recente provou a importância da música no aprendizado até mesmo de sistemas neurais comprometidos, portanto se precisa lembrar de algo e não pode esquecer, faça uma música com ritmo fácil e não esqueça nada.

6. Segundo A LFG,

  • Faça revisões para evitar que caia no esquecimento
  • Utilize cores e desenhos
  • Dê espaço entre as revisões.

7. Utilize todas as suas memórias, a visual (através de cores e vídeo aulas), tácita (escrevendo o conteúdo e fazendo anotações), auditiva (escute áudios referente ao assunto que você procura memorizar e entender).

8. Flash Cards, a técnica é bastante simples. Com um cartão em mãos (meia folha de papel sulfite, por exemplo), em um lado coloque uma pergunta sobre o assunto e do outro lado coloque a resposta, a intenção é que você responda as perguntas antes de virar o cartão e veja sua evolução. Os Flash Cards podem ser utilizados até você se sentir que memorizou o que precisava, com intervalos regulares.

Palácio Mental

Utilizado na dramaturgia por Sherlock Holmes, não é uma técnica de fantasia e qualquer um pode aplicar. A técnica na verdade foi inventada por gregos e tem o objetivo de guardar informações com associações de objetos cores e situações, uma técnica interessante utilizada por campeões de memória. Nesta técnica você realmente constrói um castelo, desde a planta, cômodos, móveis e vai os associando a informações que você quer ou precisa guardar.

Fontes:

https://concursos.correioweb.com.br/htmls2/sessao_14/2011/07/27/interna_ivan_lucas/id_noticia=34169/interna_ivan_lucas.shtml

www.folhape.com.br/concursos

www.diariodepernambuco.com.br/viver – matéria de jornal

https://lsa.umich.edu/advising/stay-on-track/reading-techniques.html - Artigo da Universidade de Michigan

https://www.ted.com/talks/peter_doolittle_how_your_working_memory_makes_sense_of_the_world/up-next

https://www.clp.org.br/limpe-os-5-principios-da-administracao-publica-mlg2/

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4056382/

https://www.lfg.com.br/conteudos/dicas/geral/como-turbinar-seu-cerebro-com-tecnicas-de-memorizacao

 

Gostou? Compartilhe



 

Leia também:



© 2008-2019 | Professor Digital | Política de Privacidade | Em Jesus Cristo eu confio