Faculdade de medicina e psicologia a distância. Existe?

Existe mesmo faculdade de medicina a distância? E o curso psicologia na modalidade EAD já pode ser feita no Brasil? Veja as respostas para essas perguntas no artigo a seguir.

Home Educação

A educação superior no Brasil foi tradicionalmente presencial, talvez ainda seja e até acredito que dificilmente deixará de ser. Contudo, não podemos deixar de considerar os enormes avanços que a educação a distância tem alcançado neste país. Localidades remotas, pessoas com maior idade e centenas de municípios brasileiros que não tinham universidades presenciais em suas localidades tem sido os mais beneficiados com o advento da educação a distância, também reconhecido pela sigla EAD.

Mas é possível fazer qualquer curso superior pela modalidade EAD? Seria possível fazer medicina ou psicologia, por exemplo, a distância?

Embora eu já conhecesse a resposta, resolvi certificar em uma fonte mais confiável, estou falando do Ministério da Educação. Vejam o print da tela que fiz do catálogo de cursos superiores do MEC quando consultei pelo curso de psicologia a distância.

curso medicina psicologia a distancia

Depois repeti a consulta para o curso de medicina e o resultado foi semelhante a este, ou seja, não existe curso superior de medicina a distância, nem de psicologia.

Por que não existe?

Poderíamos encerrar o assunto por aqui, afinal se o MEC falou que não existe é por que não existe mesmo. Mas sempre que ouvimos um não, a pergunta que vem a seguir quase que automaticamente é por quê?

No passado questionei isso em uma universidade particular que oferece cursos a distância e baseado na resposta que obtive e outros conhecimentos sobre educação a distância, posso concluir que há alguns motivos pelos quais dificilmente você verá um curso de medicina a distância.

Conceito lógico

Pense um pouquinho e você verá que um curso de medicina não teria como ser feito a distância, visto que exige muita prática laboratorial, experimental, entre outros. Tais atividades precisam ser feitas presenciais e com supervisão em muitos casos. Então não é uma coisa tão simples assim. Psicologia é um pouco diferente, mas ainda assim segue de certa forma o mesmo caminho da medicina, neste sentido.

Resistência dos conselhos

Outro ponto a considerar é que tanto medicina como psicologia são profissões regulamentadas por lei e tem os seus respectivos conselhos, a saber: CRM – Conselho Regional de Medicina e o CFP – Conselho Federal de Psicologia. Esses conselhos que são formados pelos profissionais já atuantes em suas áreas podem atuar de forma favorável a criação de cursos superiores a distância em suas áreas ou pode se posicionar de forma contrária. O Conselho de Serviço Social, por exemplo, tem se posicionado de forma contrária ao curso de serviço social a distância, embora o MEC o tenha autorizado e sustentado ele na modalidade EAD.

Dificuldade legal

Por fim existiria a questão legal que sinceramente não tenho nenhum parecer por não ter muito conhecido deste assunto. Mas seguindo um caminho lógico já apontado acima, para o Ministério da Educação autorizar um curso EAD é necessário algumas garantias de que é possível fazer este curso a distância, que haja instrumentos para a avaliação do aluno de forma a garantir que este aluno tenha condições de exercer a profissão com o conhecimento, práticas e habilidades necessárias. Então, para alguns cursos fica difícil imaginar como isto poderia ser feito.

Conclusão

Eu disse que seria difícil ver um curso de medicina a distância, mas isto não é impossível. Primeiro que já existem ações de educação a distância nessa área, com pode ser visto no vídeo abaixo, segundo que o curso de direito a distância, por exemplo, já está autorizado pelo MEC e foi de certa forma uma grande surpresa para mim, pois imaginava que isto não aconteceria tão cedo. Quem viver verá.

Dificilmente cursos na área da saúde na modalidade EAD serão disponibilizados pois requerem que o aluno esteja presente por haver a necessidade de um conhecimento empírico constante além do teórico e de supervisão de um profissional capacitado e com larga experiência na área. O aluno para receber o diploma é preciso estar apto e seguro, afinal vai lidar com a saúde, vida e bem-estar das pessoas. As carreiras têm relação com o atendimento de um paciente ou cliente, ou seja, um médico não exerce sua função se não houver o paciente, o mesmo serve para o odontólogo e para o psicólogo que não presta análise sem estar cara a cara com o seu cliente. Portanto se você encontrar uma oferta de curso EAD na área da saúde, desconfie, não são autorizados pelo Ministério da Educação e implicarão na qualidade da formação profissional, além de não serem válidos.

Gostou? Compartilhe



 

Leia também:



© 2008-2019 | Professor Digital | Política de Privacidade | Em Jesus Cristo eu confio